Dor na face região cervical: caso de assimetria de face tratada com mudança de mordida - Clínica Simone Prada

Dor na face região cervical: caso de assimetria de face tratada com mudança de mordida

Dores de cabeça constantes, na região do pescoço, coluna e costas podem ser um indicativo de problemas da articulação da boca, o que é motivo de surpresa para muitas pessoas que desconhecem uma regra básica: o corpo humano é um só e tudo está interligado!

Por exemplo, a chamada ‘mordida saudável’. Quando encostamos os dentes, devem ser todos ao mesmo tempo, com intensidade menor na região anterior e a nossa famosa ATM (Articulação Temporomandibular) está na sua posição confortável e adequada, na cavidade articular.

Uma Assimetria Facial, mesmo considerada moderada, faz com que a mordida fique assimétrica e, com isso, algumas articulações ficam sobrecarregadas, trabalhando fora do local correto. A mandíbula ou o queixo ficam na posição errada, nesses casos.

Como consequência, a pessoa pode passar a sofrer de dores crônicas, sensação de encurtamento de alguns membros ou uma dor que irradia pelos braços. Com o tempo, a dor vai aumentando, podendo se tornar limitante ou até mesmo insuportável.

Como identificar e resolver a dor crônica no consultório dentário?

Caso real

Para exemplificar melhor, trouxemos a experiência e o depoimento de Iranice Aparecida Santos Ruivo. A analista contábil e estudante de canto lírico conviveu durante muito tempo com dores no pescoço, coluna e cabeça, até obter alívio e mais qualidade de vida com o tratamento dentário na clínica Simone Prada.

“Procurei ajuda, inicialmente, por orientação da minha professora de canto, pois reclamava com ela sobre minhas dores no pescoço e torcicolos e acabei descobrindo que as dores no nervo ciático, que eu também sentia, tinham a ver com a falta de simetria”, relata Iranice.

Com visualização e exames específicos, a equipe da clínica conseguiu identificar uma inflamação e o problema da assimetria facial da paciente. Para tratar Iranice, Dra. Simone Prada começou eliminando os fatores que causavam as dores. Foi realizado um tratamento personalizado e completo, que incluiu o uso contínuo de placa de mordida e peças protéicas. Esses dispositivos destravam e colocam o queixo, com a boca, em uma posição mais confortável e que dão equilíbrio ao corpo.

De acordo com a Dra. Simone Prada, na maioria dos casos, o que se faz é “ir arrumando a ‘casa’ aos poucos. Cada paciente necessita de uma abordagem detalhada para a definição dos recursos terapêuticos de curto e médio prazos”, destaca a dentista. Esta correção segue os princípios da Roth Williams International Society of Orthodontists, filosofia que Simone Prada segue há mais de 30 anos, tendo inclusive publicações internacionais de casos tratados com essa linha de tratamento.

Segundo Iranice, com esses procedimentos, as dores sumiram completamente e a abertura de sua boca ficou melhor. “Não tenho mais tensão nos músculos do pescoço e minha performance na aula de canto melhorou muito, pois essa nova condição de abertura da minha boca faz com que a projeção do meu ar alcance sons melhores, diferentes, mais bem colocados nas aulas. O tratamento tirou minhas dores, melhorou meu canto e minha vida”, comemora.

Assista o depoimento de Iranice Aparecida Santos Ruivo no nosso canal no Youtube. 

Se você, assim como Iranice, sofre com dores de cabeça, torcicolos ou problemas na coluna e no pescoço ou, ainda, tem a sensação de encurtamento de alguns membros e não consegue resolver esses problemas, procure um dentista de sua confiança.

 

Siga nosso perfil no IG https://tinyurl.com/yyal26c4

 

Todos os artigos contidos nesse blog têm finalidade instrutiva, não podendo, sob nenhuma hipótese, substituir uma consulta.  Se você tiver mais dúvidas ou quiser falar diretamente conosco, clique aqui. Teremos prazer em atendê-lo (a).

2022-04-19T15:19:53-03:00

Deixar Um Comentário